Último dia de Edupala debate filosofia

A quarta-feira (26) foi marcada por mesas de debate e assuntos pertinentes ao tema “formação de formadores”

O Congresso Internacional Conhecimentos Pertinentes para a Educação na América Latina (Edupala) movimentou a cidade durante três dias. Passaram pelo Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas (CCET), alunos, docentes dos Mestrados da Uniplac e professores de Universidades nacionais e internacionais. A programação no último dia continuou repleta de discussões sobre o tema central do evento “formação de formadores”.

Pela manhã o público presente participou de duas mesas de debates, a primeira, mediada pelo Prof. Dr. Jaime Farias Dresch (Uniplac) e composta pelo Prof. Dr. Ezequiel Theodoro da Silva (Unicamp) e pela Profa. Dra. Ademilde Silveira Sartori (Udesc), teve como tema “Formação de professores/as em debate: diferentes perspectivas”. Já a mesa segunda mesa abordou o tema “Educação, Gênero e Sexualidades na Formação de professores/as”. Mediada pela Coordenadora do Mestrado em Educação da Uniplac, Prof. Dra. Mareli Eliane Graupe e composta pela Prof. Dra. Sonia Maria Martins de Melo (Udesc), Prof. Dra. Eliane Maio (UEM) e Profa. Dra. Iara Aquino Henn (IFPR).

Na parte da tarde, a discussão girou entorno do tema “Filosofia e Formação de Formadores” e a mesa foi composta pelos Profs. Amarildo Trevisan (UFSM) e Jorge Viesenteiner (UFES). Para o mediador da mesa, Prof. Dr. Filipi Vieira Amorim (Uniplac), o debate serviu para desdobrar historicamente o sentido da filosofia e como ela se relaciona com os ideais de formação que conhecemos. “Temos que contemplar a estreita relação que a filosofia tem com epistemologia, ética e política”, explica Vieira.

Um balanço sobre os três dias de evento

Após o encerramento, a equipe do Mestrado em Educação da Uniplac, coordenadora do evento, reuniu-se para realizar um balanço sobre os três dias de Edupala. A conclusão foi unânime, o congresso foi uma excelente oportunidade para integrar palestras, mesas redondas e discussões de trabalhos científicos de modo a ampliar o pensamento sobre formadores. Para a professora do Mestrado, Profa. Dra. Marina Patrício de Arruda, o apoio voluntário de mestrandos da Educação, alunos de graduação, técnicos, professores foi indispensável para o sucesso dessa segunda edição. “O II Edupala contou com a participação de cerca de 450 pessoas de vários lugares do país e do mundo, e com a apresentação de mais de 342 trabalhos, incluindo trabalhos completos e e-pôsteres, relacionados à temática”.

A também professora do Mestrado, Profa. Dra. Lucia Ceccato de Lima, frisou da importância da Fapesc para o evento. “Nós contamos com o apoio financeiro da Fapesc, e isso foi fundamental para viabilizar a participação de palestrantes de renome internacional que aqui estiveram para tratar da temática em questão”, ressaltou.

Texto: Vitória Marques Bittencourt / Assessoria Uniplac | Fotos: Fernanda Zanella / Assessoria Uniplac 

 

Fone: 55 49 32511022
Av. Castelo Branco, nº170, Bairro Universitário - Lages - SC - Brasil
© 2018 - Universidade do Planalto Catarinense, desenvolvido por: Al-Wi Tecnologia