Programa de Pós Graduação em Ambiente e Saúde concede mais um título de Mestre

A fisioterapeuta Aryane Evaristo recebeu na manhã desta segunda-feira (11) o titulo de Mestre em Ambiente e Saúde, após a defesa com êxito de sua dissertação intitulada “Caracterização da saúde de agricultores em um município da Serra Catarinense e a sua relação com a exposição aos agrotóxicos”. O trabalho, orientado pela Professora Dra. Lenita Agostinetto e coorientado pela Professora Dra Ana Emília Siegloch foi avaliado pela banca examinadora Prof. Dra Larissa Mies Bombardi do Programa de Pós Graduação em Geografia Humana da Universidade de São Paulo (USP) (participação via Hangout),  que publicou recentemente a obra “Geografia do uso de agrotóxicos no Brasil e conexões com a União Européia”, obra de reconhecida importância e instrumento de conscientização e suporte para políticas públicas referentes a proteção da população exposta aos agrotóxicos e a pela Prof. Dra Nilva Lúcia Rech Stédile do Programa de Pós Graduação em Engenharias e Ciências Ambientais da Universidade de Caxias do Sul (UCS), campus Caxias do Sul, pesquisadora de notório saber na área de saúde ambiental.

Aryane apresentou os resultados da sua pesquisa com 79 agricultores que cultivam grãos (soja, milho e feijão) em um municipio da Serra Catarinense e percebeu a presença de associação significativa entre agravos à saúde do agricultor e de seu grupo familiar com a exposição constante aos agrotóxicos. O estudo visa entender a importância da busca pela assistência à saúde, o manejo adequado dos agrotóxicos e também fomentar o desenvolvimento de novos modelos de agricultura baseados na sustentabilidade ambiental e que evitem o desenvolvimento de agravos à saúde.

            O PPGAS destaca a relevância da pesquisa e congratula a mais nova mestre formada no Programa.

Fone: 55 49 32511022
Av. Castelo Branco, nº170, Bairro Universitário - Lages - SC - Brasil
© 2019 - Universidade do Planalto Catarinense, desenvolvido por: Al-Wi Tecnologia