Mães que abandonam sua profissão por causa dos filhos e as que continuam atuando é tema de pesquisa do Mestrado em Ambiente e Saúde

O trabalho de pesquisa “MÃES QUE ABANDONAM SUA PROFISSÃO POR CAUSA DOS FILHOS E AS QUE CONTINUAM ATUANDO”, de autoria da mestranda do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu, Mestrado em Ambiente e Saúde, Cleide Denise Waskievicz, estuda o panorama de mudança significativa na forma de ver e tratar a criança na pós-modernidade e objetiva conhecer as diferenças existentes entre as mães que optam por cuidar dos filhos, das que se mantiveram atuantes profissionalmente. A pesquisa segue o viés interdisciplinar, que compreende todas as dimensões nas quais o indivíduo está envolvido em seu percurso de vida e pretende verificar e descrever amostras destes dois grupos específicos de mulheres, seus respectivos maridos e filhos de até 4 anos. O foco da investigação estará nas diferenças de percepção entre essas mulheres sobre sua opção, mas, além disso, serão identificados dados sociodemográficos e estilo de vida. Segundo a autora que é orientada pela professora Dra Everley Rosabne Goetz, “espera-se que os resultados possam contribuir positivamente para a compreensão desse novo fenômeno que vem ocorrendo nas famílias, na atualidade”, afirma Cleide, informando ainda que pretende colaborar com avanços no sentido social e científico ou mesmo , como diretrizes para o subsídio de outros estudos. A turma 2013 do Mestrado em Ambiente e Saúde tem mais de dez trabalhos de pesquisa já qualificados e em desenvolvimento. A turma 2014 do programa está com inscrições abertas até dia 17 de fevereiro de 2014 em tem seu processo de seleção descrito, com prazos e procedimentos, no endereço: http://www.uniplac.net/mestradoambientesaude. Informações na secretaria dos Mestrados: 49 3251.1108 ou através do e-mail stricto@uniplaclages.edu.br
Fone: 55 49 32511022
Av. Castelo Branco, nº170, Bairro Universitário - Lages - SC - Brasil
© 2019 - Universidade do Planalto Catarinense, desenvolvido por: Al-Wi Tecnologia